Páginas

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Nossos jardins

Toda sexta-feira eu assisto o quadro verde da Ananda Apple no Bom Dia São Paulo. E que maravilha começar o dia com a beleza das flores, plantas e árvores, tão belas e tão diferentes, enfeitando nossos jardins. Cada edição do quadro é uma oportunidade para mergulhar nossos sentidos na encantadora beleza da natureza. Dos maiores aos menores, cada jardim é um espaço de vida, aconchego e proximidade. Jardim é um lugar de encontro.

Os jardins holandeses foram os destaques das últimas edições do quadro verde que assisti. Quanta cor, quanto amor. Tulipas enchendo de graça parques, praças, sacadas, jardins e casas. Quintais que são palcos para jardins com detalhes tão simples e primorosos, cuidados com carinho e dedicação pelas famílias. Como são angelicais as flores das cerejeiras e macieiras, deslumbrantes na paisagem da Holanda, assim, como outros exemplares de árvores e flores exibidas com tanta maestria pelas reportagens.

As matérias me fizeram pensar nos jardins de minha vida. Aqueles jardins que tocaram minha alma com sua graça. Lembrei-me das árvores do meu caminho, algumas próximas, outras distantes, mas que sempre estão comigo porque estão eternizadas em meu coração. Saudade feliz dos pequenos canteiros suspensos em jirau do quintal da minha avó. Ao passar por lá sempre me aproximava e ficava inalando o perfume de hortelã e cravo. Tenho também na memória a lembrança de um quintal gracioso da casa de uma tia do meu pai que ficava no sítio. Em um grande jirau e também no chão, canteiros cobertos por cravos vermelhos e brancos cuidadosamente regados para suportar o clima do sertão. E nesse território também tem lugar para as flores do umbuzeiro. E como é doce a sombra do juazeiro. Que delícia sentir saudade feliz.

As reportagens do quadro verde são inspiradoras. Interligam passado, presente e futuro na jornada dos jardins de todos os tempos. Os jardins nos convidam a viver. Nossa vida pode ser representada por um jardim que se transforma a cada estação. Passamos por vários estágios para chegar à florada anual e depois recomeçamos o ciclo. Cultivar nosso jardim é um desafio que pode ser regado de muito aprendizado e beleza.

Parabéns Ananda Apple pelo Quadro Verde.
Desejo que os jardins coloridos de sua vida tenham aromas de felicidades.Crédito imagem: G1 Bom Dia SP galeria de fotos Quadro Verde Holanda

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Empreender é uma arte plural

Um filtro duplo das edições de abril e maio é o tema do texto. Como leio todos os meses a PEGN, decidi compartilhar meu filtro mensal através da rede, do meu blog e, claro, nas conversas que tenho com outros empreendedores. É um compromisso da minha agenda que, por conta de um mês turbinado ao extremo como foi abril, acabei não cumprindo essa tarefa no tempo programado. No entanto, mesmo atrasada, quero aqui parabenizar a excelente edição de abril que abordou como matéria principal a idade para empreender apontando que não há idade correta, o que é há é o desejo firme de cada empreendedor para transformar seus sonhos em ações reais, seja em qual época for.

Ao ler o texto fui identificando em cada relato que correspondia a uma faixa etária de idade, pessoas que conheço ou que já li sobre sua história até mesmo na PEGN, dentro de cada exemplo. E que sensação maravilhosa quando nos identificamos com o que estamos lendo. Eu me vi registrada na matéria e tenho certeza que ela inspirou muitos outros leitores também. São muitos os desafios para empreender, porém, quando estamos afinados com nossa essência cada desafio se torna uma oportunidade para melhorar continuamente.

É no cotidiano que vamos costurando o tecido empreendedor da empresa. Todo dia encontro possibilidades para aprender. Uma delas é através da leitura. Todas as noites eu reservo um tempo para ler. Ontem, 17/05, meu momento de leitura foi dedicado à edição de maio da PEGN. Adormeci com as palavras “pense grande” navegando na minha mente. Adorei o relato da família Carraro cujos vinhos estão conquistando paladar além das fronteiras do Sul. Não há fronteiras para pessoas e empresas determinadas a vencer.

E que “sintonia fina” há no Estúdio Angels. Uma empresa que tem na criatividade um grande tesouro e que faz com que os produtos e serviços de uma empresa tenham uma trilha sonora que marque sua presença. A música cativa nossa percepção sensorial de modo diferencial. Todas as pessoas, a seu modo, tem uma ligação muito próxima com a música. A arte tem o dom de nos tocar e está em nossa vida em múltiplas expressões. Parabéns ao Estúdio Angels e minha torcida para que continuem a produzir criativas trilhas sonoras.

Parabéns a toda equipe da PEGN pelos recentes prêmios conquistados. É um reconhecimento pela arte de empreender que a revista registra a cada edição. Até a próxima leitura.

Maria Ivone Neto Mourão

sábado, 7 de maio de 2011

As mães e os laços

Toda mãe tem muitos laços. Toda mãe tem uma incrível capacidade de criar laços coloridos com seus filhos. Tem mulheres que, mesmo não sendo mãe biológica, tem na sua essência o laço maternal como dom e missão. Esse laço tem tanta força que se multiplica em relações afetivas tão nutritivas que geram laços múltiplos por toda vida.

Mãe é mestre em criar laços. Sua maior aliança é o amor. O amor que se desmembra em tantas ações, orações, doações, entrega e desafios. São tantas as qualidades maternais que só em pensar já nos vêm uma extensa lista na mente. A pluralidade qualitativa de todas as mães tem a combinação da singularidade de cada mãe. Mãe é única e plural ao mesmo tempo. Mãe é especial.

Dedico esse texto aos laços maternais, meus laços de seda, as mães com as quais compartilho minha vida. Cada uma tão diferencial e tão essencial. Neste momento que escrevo penso em mães maravilhosas. Minha mãe que me ensina todos os dias a mais sublime arte de amar. Minhas avós, tão queridas, tão significativas, minhas raízes profundas. A minha irmã Lane que expressa sua atmosfera maternal de forma tão verdadeira. Mães tias, mães amigas, mães personagens de minha vida.

Obrigada pela presença de todas vocês no meu caminho. Parabéns por tanta dedicação. Desejo a todas as mães felicidades amorosas. Minha semente presente Bruna, uma inspiração, uma estrela que ilumina minha constelaçãoMinha semente presente Isabelly, energia contagiante, alegria vibrante, minha criança

domingo, 1 de maio de 2011

Abril Turbinado

Um mês marcante em minha história. Um mês de muito aprendizado. O mês da Páscoa. Renovação no ar. A Semana Santa é sempre um período marcante e nos convida a rever se vivendo em comunhão com o amor. Uma reforma positiva produz frutos multiplicadores mudar é possível em qualquer tempo. O acesso para uma nova percepção está em você. “Perceba você” é o que sempre diz minha amiga Fatyma de Moraes.

O ritmo dos negócios segue turbinado. Renovamos a Loja Virtual de turbinas Marcos Turbo. Recebemos também uma ótima contribuição no Blog Cidades Turbinadas, da minha amiga paraense Clicia dos Santos. A conexão entre turbinas e cidades está na rota turbinada de aprendizado. Cada cidade é um livro. Tivemos a oportunidade de atender clientes de diferentes localidades em abril e é uma imensa alegria saber que nossos produtos e serviços estão cumprindo seu papel de melhorar o desempenho dos motores. A característica turbo reflete potência, qualidade e eficiência. É, sem dúvida, uma energia motivadora dos nossos passos.

Consegui participar esse mês da edição da Escola das Deusas e foi, como sempre, um evento especial. No ambiente do Esppaço Alpha sempre encontro benefícios. A acupuntura é minha aliada e o atendimento da Rosana confiável e eficaz. Aproveito para parabenizar o Esppaço Alpha pela conquista do prêmio de empresa brasileira do ano em seu segmento de atuação, concedido pela Latin American Quality Institute.

Abril foi aniversário da minha adorável filha Bruna. Observá-la crescer é uma grande lição do desafio maternidade. Sei que estamos dando um grande passo e compartilhar o passo a passo da nossa jornada familiar com as filhas é uma grande bênção. A família é meu núcleo sagrado. O lar é palco de momentos felizes e aprendizes. Quanto mais próximo de mim, mais proximidade encontro nas conexões afetivas e nas associações positivas com personagens de minha história.

Na minha coluna Compartilhando do Portal Colina escrevo sobre minhas experiências cotidianas. Cada semana um ingrediente da semana. Quanta vida em uma semana. Para concluir, quero agradecer aos meus verdadeiros amigos e família que partilham comigo a felicidade de progredir no caminho do amor. Fechei o mês com m diálogo precioso com minha amiga Marili. Ela é inspiração, um exemplo de amor, pura poesia. Felicidades minha Filha Bruna, seu caminho é iluminado

Seja bem-vindo Maio.