Páginas

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Menos rótulos, mais respeito

Essa onda de preconceito tem cultivado um terreno perigoso entre as pessoas. Desencadeada com a campanha eleitoral fez brotar sementes de intolerância que estão atingindo um nível preocupante. Que colheita terá com esse clima? Tenho escutado coisas assustadoras sobre nordestinos, sobre divisão do país, entre outras “pregações” de argumentos preconceituosos de quem se considera “melhor”. Pessoas que utilizam rótulos para designar as pessoas como “ignorantes” “falsos” e outros que nem vou mencionar. Quem rotula restringe seu ângulo de visão. Quem privilegia o respeito expande sua percepção.

Sei que esses ataques preconceituosos são de uma minoria e espero que continue sendo. E por mais que nos afetem essas citações, é melhor não dar espaço para raiva e alimentar essa energia. Isso não quer dizer que devemos nos calar diante dessa falta de respeito até porque é crime. Mesmo se o sangue ferver, vamos conter nossos ânimos para não retrucar no mesmo tom. Como diz Jean de La Fontaine: “Paciência e nada de pressas fazem mais do que a força e a ira.”

Nenhum comentário: