sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

O arco-íris, a Lua, as estrelas e o orvalho

Hoje já é sexta-feira. A primeira semana de fevereiro foi excelente. Movimentada e produtiva. Há muito tempo eu não via o arco-íris e essa semana a chuva de um lado, o sol do outro, o fez surgir intenso no céu. Lindas cores colorindo à tarde na cidade.

E a Lua Cheia no céu abrilhantando a noite junto com as estrelas cintilantes. A Isa acordou na madrugada e pude comungar o silêncio e a beleza do céu. As estrelas são encantadoras e veio a mente uma sábia frase do Chaplin: “não devemos ter medo dos confrontos. Até os planetas se chocam, e do caos nascem as estrelas.”

E a Lua se estendeu pelas manhãs fazendo-me companhia na caminhada. Do lado esquerdo a Lua, do direito o Sol a iluminar o dia. Duas forças diferentes no mesmo céu de verão. Observar e refletir esses opostos nos faz reconhecer a grandeza das energias que circulam pelo Cosmo.

Na pista de caminhada costumo observar as plantas, flores, árvores e ontem meu olhar encontrou uma gota de orvalho suspensa na folha. Meus passos seguiram e ela continuava ali. Completei 10 voltas e a pequena gota de orvalho continuava firme na sua fragilidade. Hora de me despedir. Voltei para casa lembrando outras manhãs orvalhadas e da sensação única de seguir pela trilha tocando as folhas umedecidas pelo orvalho. A natureza toca os sentidos.

Nenhum comentário:

Qual caminho você escolhe?

Treine a mudança de seu pensamento. Não desanime. Seja persistente. “Falar é fácil, difícil é fazer” “Ninguém me ajuda. Tudo dá errado” ...