terça-feira, 7 de setembro de 2010

Som da chuva

Todos nós temos sons de nossa preferência. Eu tenho meus sons prediletos e o som da chuva é um deles. Noite passada eu adormeci sentindo o cheiro e o toque da chuva. Tive um sono leve inspirado pela suavidade das gotas que molhavam a terra. E como estávamos precisando de uma chuva para amenizar o ar poluído e seco das últimas semanas. Uma bênção que espero se espalhe para outras regiões do país.

Desde muito cedo o som da chuva me cativou. Na infância era uma festa os dias de chuva no sertão. Rendiam muitas brincadeiras e ótimos banhos pelas ruas. Sem contar na cheia dos açudes e na fertilidade sorridente que inundava a região. Trago essas doces lembranças da chuva. Por aqui, dias assim chuvosos em pleno feriado pede um bom livro, filme, um aconchego e uma casa com calor carinho.

O clima tem dessas coisas. Há tendências do outono/inverno, primavera/verão. É o baile das estações moldando paisagens e comportamentos. Essa chuva é um presente para umidificar o solo para a florada da primavera. O inverno está em clima de despedida. Que venham as flores do tempo de um novo ciclo.Minha bela Bruna pronta para mais uma estação. É hora de florescer!

Nenhum comentário:

Qual caminho você escolhe?

Treine a mudança de seu pensamento. Não desanime. Seja persistente. “Falar é fácil, difícil é fazer” “Ninguém me ajuda. Tudo dá errado” ...